“Apenas estar aí”: sobre dizer sim à vida – Rainer Maria Rilke

por Gustavo Gitti 10 November 2007 4 comentários

Rainer Maria Rilke - Cartas do poeta sobre a vidaHoje encontrei um livro precioso (Cartas do Poeta sobre a Vida) cheio de trechos das famosas cartas de Rainer Maria Rilke. A edição está bem caprichada, abrange várias temáticas (morte, arte, fé, arte, linguagem, trabalho, ser com os outros, infância, educação, solidão, doença, amor) e contém todas as referências. A Martins Fontes está de parabéns!

Uma das citações me senti obrigado a compartilhar aqui, pois resume perfeitamente o que precisei de vários parágrafos para tentar dizer no texto “Meu corpo sobre o arrependimento”.

Deliciem-se junto comigo:

“Ah, contamos os anos e fazemos cortes aqui e ali e paramos e começamos e hesitamos entre essas opções. Mas quão inteiriço é tudo que nos sucede, e como tem parentesco uma coisa com outra, gerou a si mesma e cresce e é criada para se tornar ela mesma; e temos, no fundo, apenas que estar aí, mas simplesmente, mas insistentemente, tal como a Terra está aí, dizendo sim às estações, clara e escura e totalmente no espaço, não desejando repousar senão na rede de influências e forças onde as estrelas se sentem seguras.”
Rainer Maria Rilke (19 de outubro de 1907, carta para Clara Rilke)

Blog Widget by LinkWithin

Para transformar nossas relações

Há algum tempo parei de escrever no Não2Não1 e comecei a agir de modo mais coletivo, visando transformações mais efetivas e mais a longo prazo. Para aprofundar nosso desenvolvimento em qualquer âmbito da vida (corpo, mente, relacionamentos, trabalho...), abrimos um espaço que oferece artigos de visão, práticas e treinamentos sugeridos, encontros presenciais e um fórum online com conversas diárias. Você está convidado.



Receba o próximo texto

4 comentários »

  • Alê

    Mais uma vez estou pasma com as coincidências. Vc citar Rilke agora. Cartas a um jovem poeta é daqueles livros pra uma vez e outra dar uma folheada.
    “Não desejando repousar senão na rede de influências e forças onde as estrelas se sentem seguras.”
    Cara, isso resume muita coisa que tenho sentido ultimamente, que coisa linda, Gu.
    Vc é um bruxo.

    bjs

  • Gustavo Gitti (autor)

    Bruxo? hhahah… O Rilke é foda. Ele diz tudo o que você sempre quis e nunca imaginou que desse para dizer assim, tão claro, direto.

    Bjo

  • maria

    eu li pela primeira vez este livro qdo tinha 15 anos, agora esse ano, 15 anos depois, ouço sobre ele em sala de aula, ouço sobre ele em filme e comprei um exemplar recentemente, descobri seu blog hoje
    que delicia…
    que delicia ver que existe homens que sao homens…rsrs
    e gostam de poesia, e gostam de delicadezas e gostam de sensibilidades
    como essa leitura
    será que existem mais homens assim?

  • Karoline

    É claro que existe!
    E é um excelente escritor!

    Visitem e comprovem! ;)

    http://pontispopuli.blogspot.com

    Rilke é PERFEITO!